Home / Educação Infantil / Alfabetização Infantil
alfabetização infantil

Alfabetização Infantil

Alfabetização infantil

A alfabetização infantil é um processo longo e complexo, mas necessário para a formação das crianças e para a integração delas ao seio social. A seguir falaremos mais sobre! Confira!

Aprender a ler e a escrever é um dos movimentos mais necessários ao desenvolvimento das crianças. É a partir da alfabetização infantil que nossos filhos e filhas se inserem decididamente na sociedade e passam a ser parte integral do meio que conhecemos.

Esse processo é complexo, cheio de etapas e muitas situações podem ocorrer no meio do caminho, causando falhas e prejuízos aos resultados obtidos, então é muito importante ter uma maior compreensão sobre tudo que ocorre.

Assim sendo, a seguir nós vamos falar sobre tudo que você precisa saber para que a alfabetização infantil seja um processo leve e alegre para a sua família! Fique atento e confira!

Os principais desafios da alfabetização infantil

A alfabetização infantil reserva uma série de desafios para os nossos filhos e filhas. O fato é que eles vão precisar superar algumas etapas bastante específicas antes de serem considerados indivíduos que são capazes de ler e de escrever autonomamente. Entre essas etapas nós podemos citar…

  • A descoberta do princípio alfabético – Palavras são formadas por fonemas e são representadas por grafemas. É necessário que uma criança tenha essa compreensão para ser vista como alguém que sabe ler e escrever;
  • O entendimento da decodificação – Se os pequenos não souberem entender os fonemas, os grafemas e a relação entre eles não poderá extrair as palavras que eles traduzem e as frases que formam;
  • A aprendizagem do princípio ortográfico – Com a aprendizagem da decodificação o seu filho ou filha será capaz de representar fonemas com grafemas e assim não só lerá, mas também escreverá;

Entenda melhor o método fonêmico

Existem vários métodos para você iniciar a alfabetização infantil, mas talvez o mais intuitivo de todos seja o método fonêmico. Através dele as crianças passam a aprender a ler e a escrever a partir da própria conscientização.

Essa conscientização tem relação com a consciência fonêmica, que tem a ver com o entendimento das crianças de que palavras são formadas por fonemas, ou seja, por segmentos de som.

Por que chamamos esse processo de um processo consciente? Simples: porque ninguém nasce naturalmente entendendo esses elementos, e uma criança ou adulto que ainda não foi alfabetizado pode iniciar seu aprendizado a partir da aplicação de brincadeiras como rimas, aliterações e até mesmo assonâncias.

alfabetização infantil

A aquisição do princípio alfabético

Todos aqueles que estão aprendendo a ler e a escrever passam pela aquisição do princípio alfabético. Sem ele o seu filho ou a sua filha não será capaz de entender que quando uma letra é retirada ou colocada em uma palavra ela muda o seu som e o seu significado.

Por exemplo, palavras como “mago” e “lago” se parecem, mas a troca do “m” pelo “l” faz com que se mude a forma de falar e também a forma de compreender essas palavras, além da forma de escrevê-las. A mesma lógica se aplica a palavras como “pá” ou “pé”.

Se a criança entende esse princípio rapidamente a tendência é que ela seja alfabetizada muito mais rápido. Vale dizer que sem essa compreensão não dá para dizer que seu filho ou a sua filha foi de fato alfabetizado.

Por que? Por um motivo muito simples: sem essa consciência a criança pode passar a decorar as palavras, ao invés de entendê-las. Ela pode, por exemplo, relacionar as palavras a desenhos e não consegue aprimorar mais o seu vocabulário, usando sempre os mesmos termos em todas as situações, por mais variadas que sejam.

Para chegar a ler e a escrever, para passar de forma plena pela alfabetização infantil o seu filho ou a sua filha precisa realmente ter a compreensão das questões a seguir:

  • Todas as palavras têm sonhos, e cada palavra vai ter um som (e um significado) distinto;
  • Letras quando são conectadas passam a formar fonemas;
  • Você só muda uma palavra se muda as suas sílabas e, consequentemente, se troca as suas letras;
  • A partir da mudança da letra a palavra passa a ter um novo sentido e também um novo som;
  • Para ser capaz de ler o pequeno ou pequena precisa analisar e sintetizar os sons que as letras quando são unidas formam, para assim conseguir pronunciar as palavras uma a uma. A análise e a síntese de fonemas é primordial para que o seu filho ou a sua filha seja visto ou vista como uma criança plenamente alfabetizada;

Se o seu filho ou a sua filha passar a compreender esses conceitos de uma forma tranquila e com facilidade a tendência é que sem demora ele saiba ler e escrever, produzindo logo as próprias frases e textos, se inserindo de vez na malha social.

Assim sendo, fica claro que a alfabetização infantil é um processo complexo, cheio de etapas e de necessidades a serem cumpridas, mas que é recompensador e que vai ajudar profundamente no desenvolvimento da sua criança e no seu crescimento!

Acompanhe-nos no facebook

Leia Também…

Berçários

Qual a melhor idade para criança ir para escola?

A importância da Educação Infantil

Metodologias de ensino – Conheça antes de matricular seu filho

Educação infantil – Com quantos anos tenho que colocar meu filho na escola?

 

 

Leia também

A importância da Educação Infantil

A importância da Educação Infantil A Educação Infantil abrange o período de vida da criança …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *