Home / Bebê mês a mês / Bebê de 1 ano e 1 mês

Bebê de 1 ano e 1 mês

Bebê de 1 ano e 1 mês

Os pais com bebê de 1 ano e 1 mês estão sempre na expectativa de acompanhar seus primeiros passinhos! – Muitas crianças são precoces e podem começar a querer explorar o mundo caminhando mais cedo, mas se o seu ainda não andou, saiba que é questão de pouquíssimo tempo!

O lado bom é que com o acesso facilitado à tecnologia, que nos permite ter celulares cada vez mais capazes de captar fotos e vídeos, esse momento pode ser totalmente registrado! – certamente quando ele for maior, vai se deliciar de ver os primeiros desenvolvimentos com tanto empenho e dedicação!

Porém, afaste qualquer preocupação da cabeça se até o momento seu pequeno só está interessado em sair por ai engatinhando, isso não se refere a nenhum problema ou questão mais séria.

Muitas crianças tendem a começar a andar até mesmo 5 ou 6 meses depois de completar seu primeiro ano de vida – e isso não deve ser considerado um problema!

Isso porque cada criança possui seu próprio tempo de desenvolvimento e não é interessante tomar como exemplo outras crianças que estejam vivenciando a mesma fase do seu filho. – não faltarão também pessoas dando palpite ou até mesmo indicando pequenas simpatias! – Esqueça! Dê tempo ao tempo, ok?

Bebê de 1 ano e 1 mês – a criatividade e a curiosidade são ainda mais presentes!

Bebê de 1 ano e 1 mês

Andando ou não, tenha certeza que a curiosidade do pequeno nessa fase estará cada vez mais e mais aguçada – e ele não abrirá mão de tentar entender uma série de coisas que estejam ao seu dispor.

Ele poderá ter uma grande vontade de entender, por exemplo, como deve ser legal colocar as mãozinhas dentro do seu prato de comida e passar tudo pela cabeça – e se tiver oportunidade, no seu corpo todo, em você, na mobília e onde mais puder!

Tenha certeza que a partir de agora a sua casa poderá ser contemplada com uma série de obras de artes nesse sentido.

Ele também poderá estar ainda mais atento a tudo ao seu redor e por isso é importante ter cautela com o linguajar ou até mesmo o que se assiste na TV – por que ele vai ficar de olho e talvez até mesmo começar a imitar!

Bater um papinho? Isso pode ser uma delicia!

Agora a comunicação com o pequeno ficará ainda mais complexa e ele já terá mais eficiência e entender alguns diálogos.  As palavras “mamá” e “papá” já se mostram frequentes no seu pequenino vocabulário e possivelmente não sejam as únicas.

Porém, é muito comum que somente os pais consigam entender o que eventualmente o bebê consegue falar, o que pode ser complicado para as outras pessoas que convivam de forma mais eventual com ele!

Mas, não se preocupe, por mais que as palavras ainda não sejam claras ele saberá exatamente como se fazer entender.

Se por acaso ele quiser brincar no chão, certamente demonstrará isso de forma corporal – se ele quiser colo, saberá exatamente como chamar sua atenção, que pode ser puxando a sua roupa, estendendo os bracinhos na sua direção, entre outras ações que ele sabe que você poderá entender.

Nessa fase, a criança também já consegue assimilar uma série de coisas que você fala para ele na sua rotina e por isso é tão importante estabelecer muito o diálogo para que ele se sinta motivado a falar cada vez mais.

Conte histórias

Contar histórias também é um prato cheio para contribuir com o seu vocabulário e ainda pode ser um excelente momento para ele brincar e interagir com você, bem como colocar a criatividade e sendo curioso para funcionar.

A histórias não precisam estar somente associadas ao momento de ir dormir – a hora do banho também pode ser um ótimo momento para bater um papinho divertido com o seu pequeno e até mesmo contar uma boa história engraçada.

Existem muitos livrinhos emborrachados que são apropriados para serem usados na hora do banho, e podem ser molhados sem que acabem estragando.

Em geral eles são bem coloridos, leves e podem até mesmo ser inflados com ar, o que pode transformar o ato de contar histórias no banho em uma brincadeira também interativa!

Cante

Cantar também é sempre uma boa alternativa – se ele gostar da música vai dar indícios que quer seguir o ritmo junto com você. Você pode começar os trechos das musicas e o estimular a ir completando junto com você!

bebê de 1 ano e 1 mês gosta de interagir e brincar e estão sempre dispostos a viver momentos divertidos com as pessoas que ele ama e com as quais eles se sentem acolhidos e protegidos! Sempre que tiver oportunidade, brinque, converse, aponte coisas novas para que ele vá assimilando e demonstrando interesse! – Em pouco tempo você perceberá como ele irá se desenvolver de forma rápida e saudável!

Mais sobre o Bebê de 1 ano e 1 mês

Bebê de 1 ano e 1 mês

Não há como negar: o bebê de 1 ano e 1 mês simplesmente adora brincar, interagir e explorar um universo de coisas novas! Para eles o mundo é um mar de cores, formas, movimentos – é como se fosse uma tela de um quadro em branco prontinha para ser pintada com borrões coloridos e alegres!

A cada dia que passa a curiosidade do seu bebê cresce consideravelmente e tudo para ele é uma grande e interessante novidade!

É bem provável que em um rompante da sua distração ele considere que uma gelatina de morango fique bem mais saborosa e interessante quando espalhada por suas mãos bem hábeis na parede – ou se bobear na sua própria cabecinha!

Afinal, ele já sabe que ela é perfeita para comer, mas ainda não tem certeza se a gelatina poder ter outras utilidades!

É por isso mesmo que essa fase para os bebês é repleta de pequenas estripulias! Eles querem testar e experimentar várias coisas e sabem que só poderão saber de fato o que é legal ou não se tentarem!

Nessa fase os primeiros passinhos também dão o ar da graça! É muito comum que a maioria dos bebês comece a deslizar pelos ambientes da casa com seus próprios pezinhos – e mesmo que isso não tenha acontecido, saiba que é uma questão de pouco tempo.

O olhar está mais atento e ele quer ver tudo que puder – e é nesse momento que os pais tem a possibilidade de checar se o pequeno demonstra ter dificuldades de enxergar!

Bebê de 1 ano e 1 mês – como lidar em casos de problema de visão?

Nessa fase é importante que os pais fiquem atentos a alguns aspectos importantes, como por exemplo, se o bebê demonstra alguma dificuldade para enxergar.

Se por acaso parecer que ele precisa forçar a vista para ver algo, ou ainda parece aparentemente “vesguinho”, bem como tem dificuldades para olhar para o ambiente ao seu redor, talvez seja interessante realizar uma consulta junto a um oftalmologista.

Esse tipo de situação pode ser ainda mais considerado se os pais já tiverem problemas de visão ou até mesmo se começaram a usar óculos desde a infância.

Nessa situação também vale a pena providenciar uma consulta ao oculista pela primeira vez para avaliar a visão do bebê.

Vale salientar que um eventual tratamento de visão pode ser muito mais eficiente e agregar bons resultados se realizado previamente, ou seja, ainda na infância.

Uma grande parcela dos planos de saúde realiza a cobertura desse perfil de atendimento junto a um oftalmologista, e por isso, não há grandes motivos de esperar mais tempo!

Se você já perceber que há algo diferente com relação à visão do seu filho, não espere para tirar a dúvida e checar se está tudo bem com ele nesse sentido!

Dicas importantes que toda mãe deve considerar!

As crianças de um ano e um mês de idade são muito mais ativas, e por isso as vezes é necessário criar determinadas rotinas que venham a facilitar o seu dia a dia, afinal a mamãe também precisa se cuidar, não é mesmo?

Um exemplo simples disso é a hora do banho! Se por acaso você estiver sozinha com a criança e precisa tomar um banho, que tal considerar primeiro dar um banho nela antes?

Você pode secar a criança e a deixar em sua banheira (também já seca) do lado externo ao do box, posicionada no próprio chão. Dessa maneira você pode tomar o seu banho, mesmo que rapidamente enquanto o bebê está por perto!

Para manter a criança distraída, considere deixar por perto alguns brinquedinhos dos quais ela goste – assim ela brinca enquanto você se cuida.

Aproveite o momento para também contar uma história ou simplesmente interagir por meio de um bate papo divertido e gostoso. – Certamente você perceberá que isso dará super certo e ainda poderá ser um momento divertido entre vocês.

Como a criança estará dentro da banheira e distraída, dificilmente irá querer sair – provavelmente achará até gostoso curtir esse momento pertinho da mamãe!

Esse tipo de distração enquanto o bebê fica próximo pode funcionar em vários momentos do seu dia a dia! Como a hora da refeição, onde vocês podem comer juntos e interagir de forma sútil – é importante ter cuidado para não tirar o foco do momento de comer.

Como ultimo cuidado, verifique também as vacinas do pequeno, pois nessa fase uma boa parte delas precisa de uma nova fase – como no caso da tríplice viral que agrega proteção contra o sarampo, caxumba e também rubéola.

Procure se informar junto a um posto de atendimento próximo a você ou leve a caderneta de vacinação na próxima consulta ao pediatra. – Todos esses aspectos são vitais para o bem-estar do bebê de 1 ano e 1 mês!

 

Acompanhe-nos no facebook

leia também…

Cuidados especiais na infância

Veja Também

Criança de 4 anos e 6 meses

Criança de 4 anos e 6 meses  Um belo dia você olha para aquela criança …

Deixe uma resposta