Bebê de 1 ano e 4 meses - Tudo sobre seu desenvolvimento !
Home / Bebê mês a mês / Bebê de 1 ano e 4 meses

Bebê de 1 ano e 4 meses

Bebê de 1 ano e 4 meses, tudo sobre seu desenvolvimento e comportamento !

Assim como nos meses anteriores, os pais percebem que o crescimento do Bebê de 1 ano e 4 meses continua a todo vapor! Cada dia que passa seu pequeno está mais lindo, interagindo e fazendo coisas que simplesmente fazem os adultos sorrirem e sentirem orgulho!

O pequeno a cada dia que passa entende mais e mais como as coisas do mundo ao seu redor de fato funcionam – ele já sabe, por exemplo, que o giz de cera não é mais algo tão atraente para levar à boca, mas que pode ser um excelente instrumento para rabiscar.

Desenhos…

As (obras de arte para os pais) e toda a sua complexidade incompreensível começam a ser colados na porta da geladeira como um troféu! E se não for no papel que ele irá manifestar a sua arte, a parede ainda continua sendo uma tela de pintura incrível para ele!

Ele também está cada vez mais expert na hora de brincar de encontrar o bebê – “cadê o bebê?” – você já não pega mais ele!

As partes do corpo podem ser uma pauta interessante para brincadeiras estimulantes para o seu desenvolvimento – queixo, canela, cotovelo e finalize com uma cosquinha na batata da perna! Ele vai vibrar!

Sua memória também está muito mais evoluída e agora ele irá lembrar de coisas que até mesmo poderão lhe surpreender – isso inclui até mesmo lugares que antes você já foi com ele!

Logicamente há muita coisa a ser entendida e aprendida na sua trajetória, e com o passar dos dias será normal ser sempre surpreendida por uma novidade!

Bebê de 1 ano e 4 meses – ele ainda está aprendendo muito!

Bebê de 1 ano e 4 meses

Como dissemos anteriormente, seu bebê está sempre aprendendo e ainda terá um longo caminho para explorar e compreender.

É muito provável que ele ainda tenha uma certa dificuldade de calcular exatamente a altura de um determinado degrau na escada ou até mesmo não ter muita noção de que a altura do sofá pode causar um tombo muito maior na hora de descer.

Nessa fase talvez o fator mais marcante seja os pequenos tombos aqui e ali! E o que não vai faltar para os pais é uma boa lista de pequenos sustos diários! Fique atento!

Uma dica é sempre disponibilizar uma farmácia dentro de casa, que seja efetivamente equipada para poder suprir esses momentos que serão inevitáveis.

A criança ainda não tem muita noção de perigo e não sabe avaliar o risco de determinadas situações – mesmo que ela já tenha caído do sofá ou da escada é muito provável que isso não a intimide em uma segunda oportunidade – e o resultado, um tombo novamente.

O mais indicado é manter a segurança sempre muito bem estabelecida – itens da lavanderia, como produtos de limpeza ou qualquer outro item devem ser banidos do chão ou de locais que o bebê tenha fácil alcance.

Evite deixar a mobília, como cadeira, cama, poltrona ou outro item que facilite o alcance às janelas, por exemplo – se morar em apartamento, obviamente a segurança deve ser ainda mais elevada. Redes de proteção precisa ser obrigatória, bem como trincos seguros que não possam facilmente ser abertos por ele.

Materiais cortantes, objetivos de vidro ou frágeis também precisam ser colocados em locais mais altos – porque ele vai querer conferir de perto o que eles são capazes de fazer, tenha certeza!

A vida da mamãe nessa fase de vida do bebê!

Sua personalidade está cada vez mais marcante e presente, e embora isso permite que a interação com ele seja ainda mais gostosa e envolvente, há também alguns aspectos negativos que fazem parte dessa fase de vida: estamos falando das famosas birras e até mesmo escândalos! Sim, chegou àquele momento!

Agora esse comportamento poderá começar a dar sinais de que irá acontecer, e até mesmo as crianças mais tranquilas podem se permitir a uma birra aqui e um escândalo ali.

E se você acha que vai adiantar o pequeno parar com a choradeira, está muito enganada! Isso porque o bebê de 1 ano e 4 meses simplesmente não será capaz de parar!

Esse tipo de situação pode ser um pouco embaraçosa e estranha e não há muito o que ser feito além de ficar por perto e demonstrar que está por ali caso ele precise.

Por mais estranho que possa parecer, às vezes a melhor alternativa é deixar a criança descarregar toda a sua fúria!

Rir também não é uma boa estratégia, pois a criança poderá achar que você simplesmente não se importa com ela – o que pode deixá-la ainda mais irritada e fazendo um escândalo insuportável

Os Bebês de 1 ano e 4 meses precisa de limites, mas também de uma grande compreensão para poder desmitificar uma série de dúvidas que as acometem com relação a esse mundo ainda tão desconhecida para elas!

Mais sobre o Bebê de 1 ano e 4 meses

Bebê de 1 ano e  4 meses está em uma fase onde a sua personalidade cada vez mais dá o ar da graça, e muitas de suas atitudes agora acabam fazendo os adultos simplesmente morrerem de rir – ou até mesmo ficarem desesperados com a chegada das birras e escândalos que poderão ocorrer em um momento qualquer!

Até mesmo as crianças que se revelavam mais calminhas e tranquilas em quase todo o tempo de convivência com os pais, agora também parecem ser atacadas pelo vírus da birra! – Não tem jeito, isso faz parte da idade da criança e não há muito o que se fazer.

Esse comportamento pode ficar mais frequente e em geral ocorre quando a criança é acometida por uma fúria momentânea diante de ser contrariada ou se sentir coagida – não há motivo para entrar em pânico ou achar que precisa fazer a vontade dela para que a situação passe!

Na grande maioria das vezes é interessante esperar que a criança descarregue essa fúria por completo até que passe – e sim, vai passar! Tudo bem que essa situação pode ser um tanto quanto embaraçosa para os pais, mas rir ou querer duelar aos gritos junto com a criança não vai resolver em nada a questão.

Gritar pode fazer com que ela assimile que sempre que quiser algo deverá elevar o tom da voz e rir pode fazer com que ela ache que você não se importa com ela!

A linguagem corporal é sempre a mais assertiva para se comunicar com os pequenos, as vezes um olhar um dedo indicador mostrando interjeição, pode ser muito mais eficiente do que falar algo para ela. Por mais que agora seu vocabulário esteja maior, ela pode ter dificuldades de assimilar alguns pontos do que você venha a dizer!

Bebê de 1 ano e 4 meses – com os dentinhos sempre lindos e bem cuidados!

Quanto antes os pais se preocupam com esse fator, melhor será a saúde bucal das crianças! É fundamental manter os dentinhos do bebê bem higienizados e saudáveis já nessa fase.

Afinal, esses dentes deverão durar até que ocorra a chegada dos dentes permanentes, não é mesmo? Essa troca provavelmente deverá acontecer somente quando ele estiver com 6 anos de idade – há casos que isso pode ser até mesmo antecipado, pode variar muito!

Os dentes molares são os que mais deverão demorar para serem trocados – eles tendem a surgir somente a partir do segundo ano de vida do bebê!

Uma dica é já começar a estimular o bebê de 1 ano e 4 meses a gostar de escovar os dentinhos desde já – logicamente ele não conseguirá fazer isso sozinho, mas a mamãe ou o papai podem ajudar e deixar claro como essa responsabilidade é importante!

Deixe ele “escovar o dente” como você ensinou e depois tome a responsabilidade de realizar uma limpeza realmente eficiente nos dentinhos dele, principalmente depois de cada refeição e antes de dormir.

Para tanto, não se esqueça de ter uma extrema atenção com a pasta de dente! Afinal, não será uma surpresa que ele queira comer o creme dental, principalmente os que tenham sabor mais forte – isso pode fazer muito mal à sua saúde.

Vale salientar que flúor em excesso pode acarretar uma doença grave, conhecida como flurose, que acarreta manchas profundas e irreversíveis nos dentes.

Nesse caso fique sempre por perto e não deixe o tubo de pasta dental por perto! Se puder, evite também produtos que tenham sabores “gostosos” como morango, tutti frut., entre outros, pois podem acabar despertando ainda mais vontade nos pequenos! – Até mesmo nós temos dificuldades de resistir a esses tipos de pasta, quem dera eles!

O importante é deixar claro que a higiene bucal é algo que ele deverá fazer sempre e não esporadicamente e ir explicando aos poucos que o papai e a mamãe também fazem isso sempre para deixar o sorriso bonito!

Dicas que toda mãe precisa saber!

Você sabia que mesmo nessa fase o carrinho de bebê pode ser um dos seus grandes aliados na rotina diária? Usar esse recurso para levar a criança para passear é uma excelente forma de ficar mais tranquila e ir a diversos locais sem ficar com os braços doendo por conta do peso da criança que deverá ficar mantida no seu colo.

No carrinho a criança pode dormir, interagir com outras pessoas, se divertir e ainda ser mantida sob controle, principalmente em ambientes com grande circulação de pessoas, como praças, parques, shoppings, entre outros.

Pode ser que ela faça um pouco de birra para sair, mas é interessante que você vá estabelecendo limites e deixando claro que ela somente poderá passear se ficar no carrinho – e somente poderá sair quando a mamãe deixar!

Bebê de 1 ano e 4 meses pode ser um grande companheiro na hora de passear e distrair a cabeça depois de um dia corrido – ninguém melhor para compartilhar amor e sorrisos sinceros do que o seu bebê!

Acompanhe-nos no facebook

leia também…

Criança de 6 anos

Criança de 5 anos

Criança de 4 anos e 6 meses

Criança de 4 anos

Criança de 3 anos e 6 meses

Criança de 3 anos

Criança de 2 anos e 9 meses

Criança de 2 anos e 6 meses

Criança de 2 anos e 3 meses

Bebê de 2 anos

Bebê de 1 ano e 11 meses

Bebê de 1 ano e 10 meses

Bebê de 1 ano e 9 meses

Bebê de 1 ano e 8 meses

Bebê de 1 ano e 7 meses

Bebê de 1 ano e 6 meses

Bebê de 1 ano e 5 meses

Bebê de 1 ano e 4 meses

Bebê de 1 ano e 3 meses

Bebê de 1 ano e 2 meses

Bebê de 1 ano e 1 mês

Bebê 1 ano

Bebê 11 meses

Bebê 10 meses

Bebê 9 meses

Bebê 8 meses

Bebê 7 meses

Bebê 6 meses

Bebê 5 meses

Bebê 4 meses

Bebê 3 meses

Bebê 2 meses

Bebê 1 mês

Check Also

criança 4 anos desenvolvimento

Criança de 4 anos

Criança de 4 anos, tudo sobre seu desenvolvimento e comportamento ! Você chegou em casa …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *