Home / Desenvolvimento Infantil / Desenvolvimento Infantil e o papel dos pais

Desenvolvimento Infantil e o papel dos pais

Desenvolvimento Infantil e o papel dos pais

Clique em qualquer dos temas abaixo e vá direto ao assunto:

 

A importância dos pais na vida dos filhos!

A importância dos pais na vida dos filhos está associada diretamente a pequenos comportamentos e entendimentos acerca de como é o mundo ao nosso redor! Amor e proteção precisam ser aplicados na medida certa!

Refletir sobre a importância dos pais na vida dos filhos consiste no entendimento de que toda a ação parental agrega consequências acerca do comportamento das crianças.

Isso quer dizer que o papel dos pais está diretamente ligado à educação dos pequenos, podendo ser ela formal ou não – Isso é realmente fundamental!

O ponto é que de acordo com a teoria da criação do apego, ou attachment parenting, a dependência inicial das crianças agrega em um futuro onde é gerada sua própria independência.

E o que isso quer dizer afinal? Que somente quando a criança consegue sentir que de fato pode contar com você que ela consegue desenvolver a sua confiança.

E tal confiança poderá ser na verdade suficiente para que ela consiga, no final das contas, explorar o mundo ao seu redor por seus próprios méritos.

Nesse caso, dar atenção aos filhos não significa que você deverá simplesmente dar tudo o que eles querem! Isso pode acabar acarretando um resultado nada positivo no futuro!

Importância dos pais na vida dos filhos – quais atitudes podem prejudicar o desenvolvimento das crianças?

Não há como negar – todos os pais querem sempre o melhor para seus filhos!

Na verdade, o desejo mútuo de querer que eles sejam bem educados e se tornem no futuro boas pessoas é uma premissa básica para compor o desenvolvimento deles.

Na verdade, o mais que almejamos é que nossos filhos sejam pessoas criativas e que tenham mente aberta, bem como respeito pelas diferenças e pelo próximo.

O que ocorre é que em alguns casos, a maneira como educamos não acaba surtindo os resultados desejados.

Isso porque o amor incondicional dos pais pelos filhos e a proteção que dedicamos não podem impedi-los de serem independentes, perseverantes e resilientes.

Muitos pais acabam tratando seus filhos com mimos exagerados e até mesmo comportamentos super protetores, o que no final das contas acaba impedindo o seu crescimento pessoal do futuro.

Além disso, tais comportamentos podem acarretar efeitos nocivos ao desenvolvimento da autonomia das crianças e como consequência suas capacidades de liderança.

Algumas atitudes muito comuns, principalmente nos dias atuais, acabam impulsionando ainda mais esses fatores. Confira a seguir quais são elas!

Não deixar que as crianças corram riscos moderados é um ponto que exige atenção!

Como todos nós sabemos, atualmente estamos expostos a um mundo onde em cada lugar temos acesso a alertas de perigos eminentes. E o que ocorre é que muitos pais exageram na dose da proteção.

Isolar as crianças de riscos considerados saudáveis poderá agregar um preço bastante alto a se pagar no futuro!

Segundo um estudo feito na Europa, crianças que não brincam na rua, que não sobem em arvores e até mesmo não dão aquela famosa “esfoladinha” nos joelhos acabam desenvolvendo alguns tipos de fobias.

E elas podem se manifestar ainda na fase adulta! – toda criança precisa sim sofrer alguns tombos, e os adolescentes precisam lidar com desilusões amorosas.

Tudo isso ajuda a agregar maturidade emocional, algo que é fundamental para se consolidar relações realmente duradouras e consistentes.

Pais que tendem a controlar essencialmente tais riscos na vida dos filhos acabarão fazendo com que eles se tornem, no futuro, adultos arrogantes e até mesmo com baixa autoestima.

Os elogios precisam realmente ter valor!

Elogiar os filhos, principalmente no inicio de sua vida, é algo natural, que ajuda a motivar a criança a continuar se desenvolvimento e aprendendo cada vez mais! De fato é um estimulo importante.

Mas, aqui também vale o alerta do “cuidado com o exagero!” Isso porque elogios muito fáceis acabam fazendo com que a criança até se sinta feliz no momento, mas em logo prazo pode ser um erro grave.

Com o passar dos anos as crianças começarão a perceber que apenas os pais acham que tudo o que eles fazem é de fato fantástico e poderão passar a duvidar da sua objetividade.

Elogios gratuitos e ignorar ações de mau comportamento faz com que as crianças acabem aprendendo coisas ruins, como enganar, mentir e até mesmo exagerar em certas atitudes.

Esse tipo de comportamento nocivo acaba sendo adotado com o intuito de se evitar uma realidade mais dura, principalmente porque eles não forma educados a saber como confrontá-las!

Você é o espelho dos seus filhos, e é preciso praticar o que se prega!

Os pais tem uma grande responsabilidade de “moldar” a vida que se almeja para os filhos e a melhor forma de fazer com que eles tenham um bom caráter é darmos o exemplo com atitudes também!

Nesse caso, procure mostrar às crianças o amplo significado de ajudar o próximo, ser voluntário e até mesmo deixar um lugar melhor do que ele de fato está.

Pequenos gestos podem ajudar e muito na hora de contribuir com a formação da conduta dos pequenos!

A importância da afetividade no desenvolvimento infantil

A importância da afetividade no desenvolvimento infantil está associada a vários momentos cruciais do relacionamento entre os pais (ou cuidadores) e as crianças! Pequenos gestos e hábitos do dia a dia são essenciais!

Você realmente entende sobre a afetividade no desenvolvimento infantil?

Para ficar mais claro esse assunto basta pensar que cuidar de um bebê está muito além da simples adesão de providencias consideradas básicas, como por exemplo, a higiene e alimentação.

Segundo alguns estudos recentes, identificou-se que o vínculo entre os pais e filhos, seja por meio de um diálogo, no momento de brincar, e outros, está muito relacionado com o impacto gerado no seu desenvolvimento.

Em geral isso se dá principalmente porque nos primeiros momentos de vida do bebê são consolidadas estruturas cerebrais essenciais para que a criança consiga ampliar suas capacidades em aprender, bem como crescer de maneira realmente saudável.

É justamente o desenvolvimento do cérebro dos pequenos que poderá determinar sua aprendizagem durante todo o decorrer de sua vida. E isso até mesmo se inicia na fase da gestação!

Afetividade no desenvolvimento infantil – como ele pode ser um aliado para ajudar seu bebê a se desenvolver de forma saudável?

desenvolvimento infantil e o vinculo familiar

Segundo alguns estudos, foram apontados que as crianças que têm acesso à atenção e afeto ainda na primeira infância possuem grandes chances de saberem como lidar com situações de estresse no futuro.

Essas crianças tem a oportunidade de construírem relacionamento muitos mais estáveis, bem como contam com uma maior autoestima e até mesmo podem atribuir melhores resultados na escola!

De forma mais generalizada e de acordo com muitos especialistas que se aprofundam no tema da afetividade no desenvolvimento infantil, bebês que recebem estímulos dessa magnitude são muito mais saudáveis na condução de suas vidas.

Porém, isso não quer dizer que uma criança que eventualmente seja adotada, por exemplo, não apresente qualquer condição de ter um desenvolvimento realmente pleno!

Na verdade tudo dependerá do vinculo que irá conduzir o desenvolvimento dessa criança a partir de sua adoção.

Vale salientar que existem inúmeras maneiras de se criar um forte vinculo que permita um amplo desenvolvimento da criança, e isso não depende da sua posição.

Seja você mãe, pai, tio, tia, vô ou vó e por ai vai! Todos podem ser colaboradores desse processo fundamental.

Na verdade, os bebês logicamente possuem um elo muito maior com seus cuidadores, o que de fato poderá agregar uma total diferença no final das contas é a qualidade desse vínculo ao longo de sua vida.

Nesse caso, crianças que têm acesso a muito mais atenção conseguem compreender que os pais são um pilar da sua segurança, bem como uma base   para ser explorada durante seu processo de aprendizagem.

Uma criança poderá realmente se sentir muito mais segura com o passar do tempo, levando em consideração que você:

  • Procure sempre responder quando ele estiver chorando
  • Buscar olhar nos olhos dele
  • Manter um bom diálogo com ele
  • Nos momentos que você simplesmente deve sorrir para ele!

O que você pode fazer para sempre estimular seu bebê?

Logicamente os cuidados básicos deverão ser mantidos, isso na verdade é algo que não há como fugir! O ponto é que os pais não devem se limitar apenas nesse contexto!

Nesse caso, é importante considerar outros pontos essenciais, como sempre estar disposto a interagir com a criança desde o momento do nascimento.

Isso ajuda a fortalecer ainda mais o vinculo entre vocês, bem como contribui para que o cérebro do pequeno amplie sua capacidade de fazer novas interações.

Pequenos atos podem compor um grande diferencial no que diz respeitos ao desenvolvimento das crianças!

E mesmo que você tenha absoluta certeza que a criança não está entendendo absolutamente nada! – o importante nesse caso é que haja a entrega de muito carinho e comunicação sempre.

Você pode seguir vários padrões para fazer isso acontecer, como por exemplo, fazer pequenas descrições do lar de vocês – que tal brincarmos lá na sala, onde estão seus brinquedinhos?

Ou até mesmo – “vamos ao banheiro agora, está chegando a hora de você tomar o seu banho!”.

Identificar pequenos objetos provenientes na rotina de vocês pode também fazer uma total diferença – indicar a fralda, meinhas que irá colocar nos seus pezinhos ou um brinquedo que ele simplesmente adore.

Outra sugestão é sempre atribuir nomes às necessidades e sentimentos. Por exemplo, se ele está chorando, fale com ele “será que esse choro todo é de sono?” ou “esse sorriso bonito é porque sua comidinha está pronta?”.

Consegue ver como simples hábitos podem fazer uma grande diferença no dia a dia com eles?

Outra dica que vale muito a pena apostar é a massagem! Os bebês adoram esse carinho! A prática ainda permite que exista uma maior ligação entre os pais e as crianças!

Brincar, cantar e outras atitudes simples podem ser grandes aliadas no que diz respeito à afetividade no desenvolvimento infantil!

Como o vínculo afetivo estimula o desenvolvimento infantil

Saber como o vínculo afetivo estimula o desenvolvimento infantil é fundamental para garantir que seu filho cresça cercado de amor e carinho, bem como seja um indivíduo com maior autoestima e segurança no futuro!

Muitos pais, principalmente os de primeira viagem, se perguntam sobre como o vínculo afetivo estimula o desenvolvimento infantil!

E na verdade tal dúvida é realmente natural, uma vez que uma série de pontos permeia esse assunto!

Alguns estudos indicam que as crianças que recebem mais atenção e afeto ao longo de suas vidas, principalmente a contar desde o período da primeira infância acabam tendo maiores benefícios!

Tais benefícios se referem às formas e condições como elas poderão lidar com situações mais estressantes, bem como na construção de seus relacionamentos (que poderão ser mais estáveis).

Outro ponto interessante é que essas crianças que contam mais com o respaldo de atenção e carinho desde comecinho de suas vidas acabam tendo muito mais autoestima e até mesmo se saem melhor na escola!

Quer saber mais acerca desse assunto e garantir que seu pequeno se torna uma grande pessoa? Então continue lendo o conteúdo a seguir e fique ainda mais por dentro dos pontos e dicas que lhe ajudarão nessa missão!

Como o vínculo afetivo estimula o desenvolvimento infantil – crianças mais saudáveis para vidas mais plenas!

Muitos especialistas afirmam que bebês que acabam tendo acesso a uma maior quantidade de estímulos realmente adequados acabam iniciando sua vida de maneira mais saudável e ainda mais pronta para lidar com o futuro!

E isso não se aplica somente a crianças que não sejam adotadas – elas também possuem amplas chances de obter um bom desenvolvimento nesse sentido!

Isso porque tudo está realmente conectado ao fato de se estabelecer um vinculo adequado ao desenvolvimento da criança em si!

Isso pode estar atrelado a todas as pessoas que participam ativamente da vida criança, podendo ser os próprios pais, avós, tios, primos e outros.

Na verdade os bebês já possuem por conta própria uma ligação bastante forte e natural com seus primeiros cuidadores, porém, é justamente a qualidade dessa grande ligação que poderá agregar um diferencial.

E esse diferencial não somente se restringe aos seus primeiros anos de vida! Na verdade é algo que vai muito além, sendo atribuído durante toda a sua vida!

É importante salientar também que as crianças que conseguem contar com uma maior atenção, carinho e afeto conseguem compreender que os pais ou cuidadores na verdade é um pilar em suas vidas.

Para a criança essas figuras consistem em um polo de segurança, bem como uma base estável que lhes ajudarão a aprender e explorar ainda mais o mundo ao seu redor!

E o que você pode fazer no dia a dia?

desenvolvimento infantil e o que você pode fazer pelo seu filho

Nesse caso, a criança poderá se sentir muito mais segura ao longo dos anos, principalmente em casos simples, mas que podem compor uma grande diferença no final das contas, como:

  • Quando você se atenta a responder a criança enquanto ela chora
  • Quando tem o cuidado de sempre olhar nos olhos
  • Quando estabelece um bom dialogo sempre
  • Nos momentos que você simplesmente sorri diante de algo que ele faça!

Viu como são coisas simples, mas que no final agregam um grande diferencial!

Por meio dessas atitudes a criança se sente amparada, amada e importante e sabe que poderá contar com você sempre! – ela, com o tempo, se sentirá um indivíduo!

Até mesmo quando você não está com o bebê no seu colo é possível mantê-lo por perto enquanto você realiza outras tarefas ou atividades.

A dica aqui é sempre procurar uma alternativa para que ele consiga ter você à vista, pois isso lhe proporcionará uma maior sensação de aconchego!

Interagir com a criança é uma medida essencial sempre!

A interação é algo fundamental para que se mantenha um bom estimulo de desenvolvimento infantil!

Esse comportamento ajuda a estreitar o vínculo com a criança e ainda favorece que o cérebro dele consiga estabelecer novas conexões!

E não pense você que é necessário ficar preocupada se por ventura ele não estiver entendendo absolutamente nada! Esse não é o contexto da sua ação!

Pode até parecer algo exagerado “ficar batendo papo” com um bebê ainda tão novinho, mas não é! Essa interação de comunicação e carinho certamente será muito positiva e bem recebida por ele! Pode ter certeza!

E não é necessário estabelecer um roteiro para tornar isso possível! Tudo pode fazer parte da rotina de vocês! Quer um exemplo: sua casa!

Ao poucos faça ele se sentir entrosado com o ambiente e vá narrando cada vez que você entrar em um cômodo e o que farão juntos – “Agora vamos ao banheiro preparar os seu banho. Vamos para a água?”.

Conforme você for fazendo isso perceberá que se tornará um hábito muito natural e com o tempo perceberá que ele irá de desenvolver e até mesmo iniciar uma interação!

Saber como o vínculo afetivo estimula o desenvolvimento infantil é algo atribuído ao dia a dia e o amor é a base de tudo!

Acompanhe-nos no facebook

Leia Também…

Cuidados especiais na infância

Leia também

crescimento e desenvolvimento infantil

Crescimento e desenvolvimento infantil

O crescimento e desenvolvimento infantil é um processo bem demorado, mas emocionante de ser acompanhado …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *