Home / Tudo sobre gravidez / Enjoos na gravidez

Enjoos na gravidez

Enjoos na gravidez, por que acontecem?

Os enjoos na gravidez são geralmente a causa da maioria das queixas das mulheres que estão esperando seus filhos. A maioria das mulheres, em torno de 70% experimentam os enjoos em algum momento ao longo da gravidez. Esse não é apenas um dos primeiros sinais de que está acontecendo uma gravidez, mas é também um sintoma que é comum ao longo do primeiro trimestre, podendo se estender para os outros.

Os enjoos durante a gravidez são definitivamente muito desconfortáveis, mas uma ótima notícia é que não são prejudiciais nem para a sua saúde nem para a saúde do bebê, e muitas vezes são tidos como uma indicação de uma gravidez saudável.

Não se entende muito bem os motivos pelos quais acontecem os enjoos na gravidez, mas a maioria dos estudos comprova que há alguma ligação com a produção do hormônio gonadotrofina coriónica humana (HCG) que acontece durante este período.

Chamado também de hormônio da gravidez, este é o hormônio que o organismo passa a fabricar quando o óvulo é fertilizado e se une ao revestimento do útero. Porque os enjoos na gravidez acontecem a partir deste momento, é muito comum a ligação entre os dois fatores.

Por que os enjoos na gravidez são tão comuns?

Um dos fatores que fazem com que seja extremamente comum a ocorrência de enjoos na gravidez é o estrogênio, que é outro hormônio que passa a ser produzido em quantidades muito maiores ao longo da gravidez, o que faz com que os enjoos possam estar diretamente relacionados a ele.

Quando engravidam, muitas mulheres podem passar por processos que influenciam diretamente nas reações do estômago a diversos alimentos, tanto devido à produção de hormônios quanto devido à adaptação do organismo a eles. Por esta razão, um estômago sensível pode sofrer piora ao tentar se adaptar às mudanças drásticas da gravidez no organismo, causando os enjoos.

Muitas mulheres grávidas experimentam a sensação de fadiga, cansaço e estresse, o que faz com que muitas reações químicas possam ser desencadeadas no organismo, levando, também, ao processo de desconforto estomacal que causa diretamente os enjoos na gravidez, e até mesmo vômitos.

Quando acontecem os enjoos durante a gravidez

enjoos na gravidez

Os enjoos durante a gravidez geralmente começam em torno das quatro semanas de gestação, fazendo com que as mulheres possam entender o processo que está começando a causar as mudanças pelas quais o organismo irá passar neste período. É esperado que eles se intensifiquem até as oito semanas e então diminuam por volta das 13ª e 14ª semanas.

Os enjoos matinais são os mais comuns para a maioria das mulheres, fazendo com que muitas apenas sintam este incômodo logo no começo do dia, mas é comum também que os enjoos na gravidez ocorram indiscriminadamente ao longo de todas as horas, sendo necessário tomar algumas precauções para que eles não aconteçam com frequência.

Como evitar os enjoos na gravidez?

É possível lidar melhor com a ocorrência dos enjoos na gravidez tomando algumas medidas preventivas, que envolvem fazer com que as refeições aconteçam em um período menor de tempo, mantendo o organismo funcionando sempre. Esse período de intervalo pode ser de duas em duas horas, comendo menos, o que também irá ajudar.

Faça as refeições concentrada, mastigando muito bem os alimentos, sentindo o sabor de todos bem lentamente, além de evitar muita comida, isso irá facilitar o processo de digestão, prevenindo a ocorrência de enjoos na gravidez.

Não faça uso de molhos ácidos nem de temperos muito fortes, fazendo com que os condimentos e as gorduras presentes neste tipo de alimento possam ocasionar problemas no processo digestivo, causando os enjoos na gravidez e até mesmo problemas no processo intestinal do organismo da grávida.

Facilite a digestão

Opte por alimentos que que são mais fáceis de digerir, mantenha uma dieta saudável evitando consumir alimentos que contém alto teor de gordura e que podem fazer com que você se sinta pesada, tendo problemas de digestão. Evite a todo custo frituras e alimentos embebidos em óleo, dando sempre prioridade aos alimentos secos e em temperatura ambiente.

Beba água constantemente ao longo do dia: isso irá facilitar no processo do metabolismo, melhorar o processo de digestão dos alimentos ingeridos nas refeições que serão realizadas de duas em duas horas e fazer com que o organismo da grávida possa funcionar com muito mais facilidade, evitando os enjoos na gravidez, além de mantê-la sempre hidratada.

Olfato

Não fique presente em locais que tem o cheiro muito forte de comida, pois o olfato pode ser um dos fatores que faz com que os enjoos na gravidez se intensifiquem, prejudicando ainda mais a mamãe e fazendo com que ela se sinta desconfortável, podendo até mesmo vomitar quando este cheiro for muito intensificado, independentemente do lugar.

Seguindo todas estas dicas é possível evitar ao máximo a ocorrência dos enjoos na gravidez, mas, caso ainda esteja sentindo estes incômodos, procure sempre seu médico, ele poderá analisar especificamente o que está causando estas condições e orientar o tratamento correto.

Acompanhe sua gravidez semana a semana com a Bebês e Crianças!

Leia Também…

Quando devo me preocupar com as contrações?

Contrações de Treinamento

Quanto tempo demora o parto normal?

Parto Cesariana – Coisas que ninguém te contou

Queloide Pós Cesariana

Por que as grávidas tem desejos?

Infecção Urinária na Gravidez

Gripes e Resfriados na Gravidez

Dieta na Gravidez

Chá de Bebê

Brincadeiras para Chá de Bebê

Lembrancinhas para Chá de Bebê, Maternidade e Batizado

 

Leia também

tampão mucoso final da gravidez

O que é e o que você precisa saber sobre Tampão Mucoso

Tampão Mucoso – O que é e o que você precisa saber! O que acontece …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *