Gestação 13 semanas - Gravidez semana a semana - Bebês e Crianças!
Home / Gravidez / Gestação 13 semanas
13 semanas de gravidez

Gestação 13 semanas

Sua Gravidez – Gestação 13 semanas: Como o bebê está crescendo e os sinais da amamentação

A gestação 13 semanas é a fase de certeza para muitas mães. Isso porque, nessa fase o bebê já deve medir 8 cm da cabeça ao bumbum e órgão sexual deve estar mais proeminente. Contudo, em alguns casos ainda não é possível verificar se o feto é menina ou menino.

Nesse período, o seu útero já deve ter atingido o tamanho ideal para o bebê, e, provavelmente sua barriga já indica a gravidez mais facilmente. Em alguns, casos, como, por exemplo, mulheres muitas magras, pode ser que ela ainda não esteja tão aparente.

Esse crescimento da barriga se deve apenas ao útero, pois, o feto ainda é bastante pequeno. No entanto, mesmo ainda tendo apenas 8 cm,  o seu bebê já possui todos os órgãos vitais desenvolvidos, além, é claro, de unhas e até impressões digitais.

Aqui ele já está ingerindo o líquido amniótico a cada 30 minutos e eliminando ele por meio da urina. Mas não se preocupe, tudo é filtrado pela placenta. Ou seja, toma o próprio xixi, mas, depois de um processo de eliminação das toxinas e impurezas, por isso, fique tranquila.

gestação 13 semanas

Como a mamãe estará se sentindo na gestação 13 semanas

Na grande maioria dos casos o risco já passou. Na gestação 13 semanas é você está, oficialmente, no 2º trimestre. Provavelmente o seu corpo já mudou bastante até aqui. A barriga deu uma crescida, bem como o quadril e os seios.

Uma boa notícia é que nessa fase os maus estares como os enjoos e as ânsias tender a diminuir. Contudo, algumas mamães podem continuar a sentir esses sintomas até o final da gravidez.

Outra característica bastante comum na gestação 13 semanas é que as veias do seio e da barriga começas a ficar mais visíveis.  Isso acontece porque o bombeamento de sangue aumenta, e a pele começa a esticar por conta do aumento da barriga e o crescimento dos seios, por isso fique tranquila.

Alimentação a partir da gestação 13 semanas

Uma alimentação saudável é essencial em qualquer momento da vida, mas, durante a gravidez isso se torna ainda mais importante. Nesse período, é muito importante que você aumente a ingestão de cálcio e vitamina D, pois, eles irão ajudar na formação óssea do feto. Confira abaixo algumas dicas da alimentação:

  • Produtos lácteos: O leite e seus derivados, como, o queijo e o iogurte são essenciais a partir da gestação 13 semanas. Eles são ricos em cálcio e por isso são ideais para ajudar tanto a mãe a manter a boa forma como ao bebê na formação óssea.
  • Desembale menos e descasque mais: Nessa fase o seu apetite aumenta muito, afinal, você estará se alimentando por dois. Ao invés de comer salgadinhos e bolachas, opte pelas frutas como lanches para o meio da manhã ou tarde.
  • Evite carnes mal passadas: Para não correr o risco de pegar toxoplasmose, deixe de lado as carnes mal passadas. Além disso, sempre verifique a procedência das proteínas que você ingerir antes de incluí-las no seu cardápio.
  • Sucos naturais: Tente cortar os refrigerantes ou ao menos diminuir o volume deles na sua alimentação para evitar a Diabetes Gestacional. Ao invés deles, opte por sucos naturais, de preferência os ricos em vitamina C ou D.

A partir da gestação 13 semanas sua dieta precisa ter como base a ingestão de vitamina D e cálcio por conta do desenvolvimento ósseo do feto. Por isso, consuma alimentos saudáveis e evite os processados, com excesso de conservantes e açúcares.

gestação 13 semanas

Sinais de amamentação

Mesmo você ainda estando na gestação 13 semanas –  o seu corpo já pode começar a produzir o chamado colostro. Esse é um líquido muito importante, pois, é ele que alimentará o seu bebê em um primeiro momento, até que o seu leite “desça” efetivamente.

Se você é mais magra ou baixinha, não se preocupe, isso não quer dizer nada sobre a possibilidade de amamentar ou não. Além disso, mulheres que colocaram próteses de silicone, fizeram redução dos seios ou tem mamilos invertidos, geralmente, não sofrem esse tipo de problema.

Uma boa dica para evitar problemas na hora da amamentação é começar a tomar cuidados desde agora. Um deles é a hidratação. Tome muito líquido, principalmente água. Isso irá ajudar na formação do leite, bem como no funcionamento do seu organismo como um todo.

Para evitar que os mamilos rachem quando você começar a amamentar, uma boa dica é tomar banhos de sol diretamente nos seios. Os raios solares ajudam na produção da vitamina D.

Lembre-se, a partir da gestação 13 semanas seu corpo começará a sofrer grandes mudanças, como o aumento significativo de peso, bem como o crescimento da barriga e dos seios. Logo, tenha hábitos saudáveis para evitar que no futuro você tenha problemas como estrias.

13 semanas e o sexo. Há com que se preocupar?

A gestação 13 semanas ainda é permeada por uma grande avalanche de dúvidas! Tudo está plenamente mudando, não somente no seu corpo, mas também na sua mente! É um momento muito especial!

O amor é algo que transborda em diversos aspectos, e claro, na relação do casal isso não poderia ser diferente! Afinal, uma nova vida está caminho e somente um sentimento nobre como esse poderia ser tão enfatizado!

O que muitas mulheres têm dúvidas é com relação à prática sexual durante a gestação. É comum que elas acabem ficando mais espaçadas do que ocorria antes e não há nada de incomum nisso!

Isso geralmente ocorre por uma soma de fatores, que pode ser desde o medo até uma insegurança!

Mas, afinal de contas, considerar uma relação sexual nesse período ou até mesmo durante todo o decorrer da gravidez é algo realmente possível?

A resposta é sim! Mas, é fundamental que o casal tenha em mente um bom entendimento acerca desse ponto!

Sexo na gravidez – o que é importante saber?

A vida sexual do casal pode ser bastante incrível desde sempre, mas quando chega o momento da gravidez é comum que o sexo comece a ser até mesmo evitado.

Um dos aspectos que acaba sendo responsável por isso refere-se ao medo de acabar machucando o bebê ou até mesmo devido ao receio de que algo possa acabar acontecendo!

Mas, o que muitas mamães não sabem é que o fato de considerar as relações sexuais durante a gestação não envolve nada de ruim! Na verdade é justamente o contrário!

Ela pode até mesmo agregar benefícios para a futura mamãe ou até mesmo ara o casal!

Isso pode ser referenciado não somente por conta do lado afetivo, mas também para o contexto de saúde.

Nesse caso, um passo importante que deve ser dado é estabelecer um bom diálogo com seu médico, pois ele poderá avaliar eventuais riscos ou até mesmo determinadas restrições sobre manter a relação sexual.

Ele poderá determinar se considerar a abstinência sexual será necessário ou não.

Mas, o que é abstinência sexual?

Em geral a abstinência sexual pode ser indicada para o casal se por ventura a contratação uterina (o orgasmo) ou ate mesmo a penetração possa acarretar algum efeito indesejado.

Nesses casos, os riscos mais recorrentes que podem indicar que o sexto deverá ser evitado são sintomas de sangramento, bem como placenta prévia, incompetência istmo cervical e até mesmo problemas diversos.

Mas, se o seu caso é totalmente distante desses aspectos e a gestação está totalmente sem a eminencia de qualquer riscos, então pode namorar sem medo de ser feliz!

Até mesmo porque, durante a gravidez, algumas mulheres podem se sentir mais excitadas e dispostas, e o orgasmo ser ainda mais intenso. Ou seja, não há porque abrir mão, certo?

E sabe o motivo disso? Simples – devido ao fato de uma grande quantidade de sangue que circula na região do clitóris da mulher gestante e isso acaba agregando uma maior sensibilidade durante o sexo na gestação.

Outro ponto, é que em algumas mulheres, que eventualmente nunca tiveram antes um grande apetite sexual, pode acabar mudando esse comportamento durante a gestação!

Confira algumas dicas poderosas sobre a relação sexual em cada trimestre da sua gravidez!

Não há como negar que alguns pontos podem acabar surgindo durante a gestação com relação à vida sexual do casal, mesmo não se tratando de uma gravidez de risco.

Na verdade, o que pode acontecer são alguns incômodos entre o casal na hora de terem uma relação intima.

No primeiro trimestre, o que acontece é justamente o receio de se machucar o bebê, e isso se dá principalmente para os pais de primeira viagem.

Durante as 12 primeiras semanas isso é absolutamente normal, e a dica é sempre conversar com seu médico e buscar o máximo de orientações!

Há ainda outro aspecto nesse período, que consiste na grande incidência de enjoos e até mesmo certa resistência com relação ao parceiro – os cheiros podem ser incômodos, e isso inclui até mesmo o dele!

Mas, no segundo trimestre esses primeiros incômodos acabam perdendo espaço para uma maior vitalidade sexual e é justamente nesse período que os hormônios começam a se estabilizar!

Por isso, é no segundo trimestre que se torna mais apropriado fazer sexo.

Outro ponto é que as posições sexuais nessa fase podem começar a ficar mais complicadas – e se comparadas com o período de antes da gestação, isso fica ainda mais evidente!

Ao chegar ao terceiro trimestre possivelmente a mulher estará mais cansada e isso, logicamente, se dá pelo peso da barriga e outros efeitos naturais atribuídos ao corpo!

Dores comuns à gravidez, por exemplo, podem desestimular o apetite sexual e até mesmo a falta de ar comum para muitas mulheres pode ser um fator de complicação!

Essas foram as dicas durante a gestação 13 semanas! E você? Como está se sentindo?

Acompanhe-nos no facebook

Confira as demais semanas

Sem. 01Sem. 02Sem. 03Sem. 04Sem. 05
Sem. 06Sem. 07Sem. 08Sem. 09Sem. 10
Sem. 11Sem. 12Sem. 13Sem. 14Sem. 15
Sem. 16Sem. 17Sem. 18Sem. 19Sem. 20
Sem. 21Sem. 22Sem. 23Sem. 24Sem. 25
Sem. 26Sem. 27Sem. 28Sem. 29Sem. 30
Sem. 31Sem. 32Sem. 33Sem. 34Sem. 35
Sem. 36Sem. 37Sem. 38Sem. 39Sem. 40

Check Also

38 semanas de gravidez

Gestação 38 Semanas

Sua Gravidez – Gestação 38 semanas A contagem regressiva nunca foi tão intensa na sua …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *