Home / Gravidez / Gestação 14 semanas
14 semanas de gravidez

Gestação 14 semanas

Sua Gravidez – Gestação 14 semanas: Veja como o seu bebê está se desenvolvendo e comece a planejar o futuro

Na gestação 14 semanas, o seu feto está totalmente formato e cada vez parecerá mais com a versão que você irá pegar nos braços dentro de alguns meses. Aqui o desenvolvimento dele entra em um ritmo mais acelerado, o que causará um aumento mais rápido da barriga.

Um fato curioso que nessa fase o bebê possui uma espécie de penugem recobrindo todo o corpo. Ela é bem fina e suave e irá desparecer antes do nascimento. Além disso, ele já possui sobrancelhas e cabelo formados, que poderão ser detectados em ultrassons mais sensíveis.

Pode parecer coisa de outro mundo, mas nessa fase o feto já pode fazer alguns movimentos mais sensíveis, como franzir a testa, piscar e tentar “pegar” o cordão umbilical com os dedos. Além disso, ele também já pode e provavelmente começará a chupar o dedo.

Aqui a proporção entre a cabeça e o corpo já estará bem mais equilibrada. Os braços estarão mais largos e o pescoço será mais visível. Contudo, ainda é preciso de um pouco mais de tempo para que os membros inferiores cheguem na proporção ideal.

gestação 14 semanas

Mais detalhes sobre o desenvolvimento do bebê na gestação 14 semanas

A gestação 14 semanas é o momento ideal para fazer o ultrassom e descobrir o sexo. Isso porque, nesse período o órgão sexual já está totalmente desenvolvido podendo ser visto com mais nitidez no ultrassom.

É muito importante que você fique atenta a essa fase da gravides, pois, a gestação 14 semanas é o tempo limite para que o exame de Transluscencia Nucal, aquele que avalia as pregas da nuca, seja realizado. Por isso não deixe de verificar com o seu obstetra se ele já foi realizado.

As mudanças na vida da mamãe

Na gestação 14 semanas, a grande maioria das mulheres deixou para trás aquela fase mais turbulenta, repleta de enjoos, ânsias e indisposição. Contudo, algumas podem continuar a sentir esses sintomas até o final da gravidez. O ideal é que ao sinal de qualquer mal-estar você fale com o seu obstetra para obter orientação.

Boa parte das mamães gosta mais desse segundo trimestre de gravidez, pois, a barriga já está visível o bastante para ela e outras pessoas curtirem, mas, não grande o suficiente para atrapalhar tarefas comuns como dormir, se agachar, amarrar os sapatos e etc.

Por conta disso, esse período da gestação 14 semanas é o mais indicado para a prática de atividades físicas que exigem uma maior movimentação do corpo, como, por exemplo, a yoga e a ginástica aeróbica. Mas lembre-se sempre de praticá-los com moderação e sob orientação médica.

Aqui o seu corpo já sofrerá modificações com mais rapidez, logo o seu guarda-roupas deve estar preparado para isso. Está na hora de trocar sua lingerie por peças mais confortáveis, que não apertem seus seios ou sua cintura. Além disso, não esqueça de compras calças e blusinhas mais largas e de panos leves, de preferência com elástico no cós.

gestação 14 semanas

Cuidados a serem tomados

Lembre-se que que agora qualquer coisa que você faça no seu corpo pode interferir no desenvolvimento do seu bebê, por isso, fale com o seu obstetra para saber o que está liberado ou não nessa fase. Além disso, não deixe de tomar os seguintes cuidados.

  • Químicas no cabelo: Tanto a tintura como outros tratamentos estéticos podem não ser adequados nesse momento. Evite fazê-los ou procure métodos menos invasivos e que utilizem a menor quantidade possível de componentes químicos. O ideal é pedir orientação a seu médico.
  • Abuse dos cremes hidrantes: Sua pele começará a esticar com muita rapidez. Para evitar rachaduras e o surgimento de estrias, use e abuse dos cremes hidrantes e óleos. O recomendado são aqueles desenvolvidos especialmente para grávidas que podem ser encontrados facilmente em farmácias ou perfumarias.
  • Calçados confortáveis: Assim como suas roupas, os calçados também precisam de mudanças. Evite os saltos até o final da gravidez, pois o seu senso de equilíbrio é afetado nessa fase, logo, as chances de você cair são mais altas. Ao invés deles opte por rasteirinhas, sapatilhas, tênis ou sapatos abertos.

A partir da gestação 14 semanas as transformações no seu corpo se tornarão ainda mais profundas. Por isso esteja preparada para o ganho de peso, e as mudanças de humor frequentes por conta dos níveis de hormônio.

Planejando o futuro

Essa é a hora que muitas mamães esperam. Passada a fase de risco, chegou o momento de pensar em cada detalhe envolvendo o bebê. O enxoval, a decoração do quarto, a compra do carrinho, e, claro a escolha do nome do novo ser “anjinho” que vem ao mundo.

Contudo, a gestação 14 semanas também é o momento ideal para você começar a pensar em detalhes importantes como quando você entrará em licença-maternidade e quem te acompanhará durante o parto.

A barriga está cada vez maior, e os inconvenientes também – cuidado com a anemia!

A gestação 14 semanas é um período realmente cheio de boas novidades para a futura mamãe, mas as preocupações com a saúde ainda merece um amplo destaque!

Afinal, como dito anteriormente, seu bebê está bem mais formado e cheio de energia para se desenvolver a todo vapor, e cada vez mais ele depende que a sua saúde se mantenha impecável!

Um dos aspectos que merece destaque nesse sentido é a anemia, que nada mais é do que uma baixa hemoglobina. Elas são células vermelhas presentes no seu sangue!

De maneira geral, isso quer dizer que ocorre uma baixa muito substancial da sua produção sem a presença de vitaminas e nutrientes vitais para seu organismo.

As células vermelhas são as grandes responsáveis por conduzir o oxigênio por todas as partes do seu corpo.

Vale salientar que a anemia pode ocorrer em pessoas de todas as faixas etárias, principalmente para quem apresenta uma carência de vitaminas B12, proteínas e também ferro!

Mas afinal, porque a anemia é tão comum na gravidez?

Sim, realmente acaba acontecendo mais facilmente nessa fase da vida do que em outras e há um motivo bastante efetivo para tal!

É que na verdade durante a gestação, a mulher acaba necessitando de uma quantidade dobrada de nutrientes que o corpo já precisa habitualmente – e a anemia não somente pode aparecer uma vez, como várias durante a gravidez!

Uma das anemias mais comuns nesse sentido é ferropriva, que como o próprio nome já indica tem a ver com a quantidade de ferro no organismo, ou seja, a falta dele durante a gravidez!

Para se ter uma ideia, uma mulher que não esteja gestante precisa de uma média de 15 mg de ferro todos os dias para manter seu organismo saudável e sem o risco de contrair uma anemia.

Durante essa gestação esse valor de 15 mg de ferro simplesmente dobra, sendo necessário 30 mg em média de ferro para que a sua saúde seja conduzida de maneira qualitativa.

É importante dizer que a anemia durante a gestação pode acarretar alguns tipos de desconfortos bem evidentes, bem como intercorrências muito mais graves do que em casos de mulheres não gestantes.

A ausência de ferro nessa fase da vida pode apresentar os seguintes sintomas:

  • Cansaço Persistente
  • Pálpebras inferiores com uma tonalidade mais esbranquiçada
  • Fraqueza no corpo
  • Falta de ânimo
  • Sangramento na região nasal
  • Algumas manchas roxas pelo corpo sem haja qualquer motivo aparente

Mas, como eu posso diagnosticar que estou com anemia durante a minha gestação?

Pode ficar tranquila, porque perceber que você está com anemia é algo realmente simples, e isso não somente compete ao período de gestação, mas sim durante toda a sua vida!

Na verdade por meio de um hemograma já se poderá perceber a quantidade efetiva de hemoglobinas e logo identificar se elas estão realmente abaixo do que é ideal.

Nesse caso, é o médico que deverá fazer à avaliação acerca do exame e logo entender o que deverá lhe prescrever de forma a suplementar a deficiência aparente e estabelecer bons níveis ao seu organismo.

É importante que durante a gestação a percepção acerca da anemia seja feita o mais cedo possível, pois uma baixa de hemoglobina pode afetar o bebê também.

Mas, vale salientar que todo o cenário da anemia se deve principalmente pelo motivo de que o organismo da futura mamãe está transferindo a maior parcela de todo ferro ingerido para o bebê!

Minha barriga está cada vez mais bonita, mas os meus cabelos – quanta diferença!

Cada vez que você se olha no espelho e vê que sua barriga está dando o ar da graça parece um momento magico, não é mesmo? Mas, quando você sobe os olhos e mira no cabelo, parece que algo está fora do tom!

E está, não é mesmo? Porque desde que você descobriu sua gravidez uma das restrições que logo lhe foram dadas foi sobre não pintar o cabelo!

Tem mulheres que só de imaginarem isso ficam um tanto assustadas! E agora? O que eu faço com a vaidade toda dedicada aos cabelos?

Se você se identificou com o cenário acima, calma! Não é preciso se privar de nada!

Nessa fase da gestação 14 semanas (ou até mesmo um pouquinho antes, com 12 semanas) o médico poderá lhe liberar para poder continuar pitando os cabelos, porém é preciso ter atenção ao procedimento.

O recomendado é nunca pintar mechas próximas à raiz, bem como apostar em produtos específicos que não possuam amônia em sua composição e também água oxigenada – ambos nocivos para gestantes.

Linda, feliz, realizada, com uma barriguinha cada vez mais evidente e cabelos e unhas lindos, certamente a gestação 14 semanas é um momento de grande felicidade!

Acompanhe-nos no facebook

Confira as demais semanas

Sem. 01Sem. 02Sem. 03Sem. 04Sem. 05
Sem. 06Sem. 07Sem. 08Sem. 09Sem. 10
Sem. 11Sem. 12Sem. 13Sem. 14Sem. 15
Sem. 16Sem. 17Sem. 18Sem. 19Sem. 20
Sem. 21Sem. 22Sem. 23Sem. 24Sem. 25
Sem. 26Sem. 27Sem. 28Sem. 29Sem. 30
Sem. 31Sem. 32Sem. 33Sem. 34Sem. 35
Sem. 36Sem. 37Sem. 38Sem. 39Sem. 40

Leia também

33 semanas são quantas semanas de gravidez ?

33 semanas são quantos meses ?

33 semanas são quantos meses de gravidez ? Se você deseja saber sobre 33 semanas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *