Home / Amamentação / Posições para amamentar

Posições para amamentar

Posições para amamentar!

Na hora de escolher as posições para amamentar, é fundamental que as mamães de plantão levem em consideração sempre o conforto e também facilitar para que o bebê consiga acessar seu seio com total facilidade.

Uma posição bastante interessante para amamentar é justamente aquela que permite facilitar a colocação da criança junto ao seu peito, permitindo que ocorra a pega correta!

Confira abaixo algumas dicas bastante interessantes:

  • Primeiramente procure segurar o bebê no seu colo, de forma que ele fique posicionado de forma transversal, ou seja, deixe a criança barriga com barriga com você. Para tanto, tente usar o seu braço contrário ao seio que ele irá mamar.
  • Segure seu bebê no colo, em posição também transversal, usando nesse caso o mesmo braço que fica posicionado ao lado do seio que você irá dar à criança.
  • Uma outra opção é segurar o bebê de forma que ele seja passado por baixo do seu braço (sendo o braço que fica situado ao mesmo lado do seio que ele deverá mamar). Mantenha as pernas cruzadas, procurando sentar na beira da cama ou use o sofá – o que mais for confortável no caso.
  • Coloque seu bebê na posição “cavalinho” em uma de suas coxas, sempre tomando o cuidado de deixá-lo posicionado em frente ao seu seio.
  • Em noites que você se sinta mais cansada, experimente se deitar e colocar seu bebê em uma posição paralela ao seu corpo. Eleve ligeiramente a cabeça da criança, para que o leite possa descer mais facilmente. Nessa posição, é indicado que a mãe esteja bem acordada, pois os riscos de eventuais acidentes são mais relevantes.
  • Se você tem gêmeos, todas as posições citadas acima podem ser aplicadas de forma simultânea às duas crianças!

Posições para amamentar – usar uma das mãos na hora de colocar o bebê junto ao seio é mais fácil para você? Como proceder?

posições para amamentar

Para algumas mamães pode ser mais fácil usar a mão, especialmente quando se está aprendendo a arte de amamentar.

Isso quer dizer que você poderá colocar seu bebê no colo na posição transversal para poder dar de mamar em um dos lados. Para agregar mais segurança, algumas mulheres preferem passar embaixo do seu braço para o outro. Isso permite que você use o mesmo braço e mão para poder esvaziar ambos os seios.

Essa medida pode ser bastante eficiente quando a mãe percebe que já está com um dos braços cansados, por exemplo!

Posições diferentes para amamentar? Isso realmente vale a pena?

Se por acaso você identificar logo de cara uma posição que surte um efeito positivo, tanto para o bebê quanto para você mesma, então é interessante continuar apostando nela. – afinal, porque mexer em algo que já está dando certo, não é mesmo?

Mas, conforme a criança vai crescendo e a própria mãe passa a ficar mais experiente no assunto, a variação de posição pode de fato acontecer naturalmente – e isso também poderá depender do ambiente que você está ou até mesmo do que eventualmente está fazendo.

Se por ventura a mãe tem mastite, por exemplo, pode ser que acabe tendo a recomendação de segurar a criança de uma forma diferente para poder seguir com a amamentação.

Mas, vale salientar que isso não quer dizer que uma simples mudança quanto a posição que será adotada irá refletir no fato de o bebê acabar sugando alguma parte diferenciada do seu seio!

Isso, porque todas as áreas da sua mama são absolutamente “sugáveis” – logicamente levando em consideração que seu bebê esteja tendo a pega correta na hora de mamar!

Em alguns casos, pode acontecer isso em qualquer outra posição – o mais importante é que ambos estejam absolutamente confortáveis durante a amamentação.

Mitos e verdades!

Algumas pessoas defendem que amamentar o bebê na posição deitada pode acarretar infecção nos ouvidos dele, porém, segundo alguns especialistas concluem que isso nada mais é do que um mito!

Tanto a boca, quanto o nariz e o ouvido do bebê ainda se consolidam retificados – nesse caso, quando ele é amamentado com leite artificial (que contém muito mais bactérias) aí sim a infecção pode acontecer de forma mais fácil.

Mas, o leite materno tem uma ação absolutamente diferenciada, agregando muito mais proteção a mucosa.

Depois que a mãe descobre a posição ideal para dar de mamar, deve seguir alguns procedimentos básicos – primeiramente é necessário colocar o seio na boca da criança delicadamente.

Quando se toca o lábio inferior do bebê com o bico, automaticamente ele tende a abrir sua boquinha e é nesse momento que a mamãe deve inserir ao máximo a aréola na boca da criança, procurando puxar sempre de maneira firme a cabeça dele para a mama.

Estar relaxada nesse momento e confortável é o fator mais relevante, bem como ter um apoio que não lhe deixe curvada tanto para frente quanto para trás!

Essas são as posições para amamentar e certamente, ao seguir essas dicas você poderá vivenciar essa experiência de amor de forma ainda melhor!

Leia também…

Mamilos Rachados o que fazer para amenizar as dores?

Quando o Bebê se recusa a mamar

Deixe uma resposta